Pequena Abelha – Chris Cleave

pequena-abelha-capa

Título Original: The Other Hand

Título Nacional: A pequena Abelha

Autor (a): Chris Cleave

Editora: Intrínseca

Ano de Lançamento: 2010

Número de Páginas: 272 páginas

Nota: 5 de 5

Status: Lido

Sinopse: Não queremos lhe contar O QUE ACONTECE nesse livro. É realmente uma HISTÓRIA ESPECIAL , e não queremos estragá-la. AINDA ASSIM , você precisa saber algo para se interessar, por isso vamos dizer apenas o seguinte: Essa é a história de duas mulheres cujas vidas se chocam num dia fatídico. Então, uma delas precisa tomar uma decisão terrível, daquelas que, esperamos, você nunca tenha de enfrentar. Dois anos mais tarde, elas se reencontram. E tudo começa& Depois de ler esse livro, você vai querer comentá-lo com seus amigos. Quando o fizer, por favor, não lhes diga o que acontece. O encanto está sobretudo na maneira como essa narrativa se desenrola.

***

“ÀS VEZES EU PENSO que gostaria de ser uma moeda de uma libra esterlina em vez de uma menina africana. Todo mundo ficaria satisfeito ao me ver. Talvez eu fosse à sua casa no fim de semana e então, de repente, como sou muito inconstante, eu iria visitar o homem da loja da esquina — mas você não ficaria triste, porque estaria comendo um pãozinho doce com canela ou tomando uma lata de Coca-Cola gelada, e nunca mais pensaria em mim. Seríamos felizes, como amantes que se encontram num feriado e depois esquecem os nomes um do outro.” Pequena abelha, me marcou como nenhum livro o fez. E, posso afirmar, que se você tirar um tempo e acompanhar a história de uma refugiada nigeriana de 16 anos e dos outros personagens que fazem parte desse livro, vai te marcar também, de uma forma ou de outra. Talvez você pense em desistir porque a vida da protagonista pareça dura demais, ou talvez, só talvez, você lê até o fim, derramando algumas lágrimas em algumas páginas. “peço-lhe neste instante que faça o favor de concordar comigo que uma cicatriz nunca é feia. Isto é o que aqueles que produzem as cicatrizes querem que pensemos. Mas você e eu temos de fazer um acordo e desafiá-los. Temos de ver todas as cicatrizes como algo belo. Combinado? Este vai ser nosso segredo. Porque, acredite em mim, uma cicatriz não se forma num morto. Uma cicatriz significa: Eu sobrevivi.” “Daqui a pouquinho vou falar umas palavras tristes para você. Mas você deve escutá-las da mesma maneira como combinamos ver as cicatrizes.Palavras tristes são apenas uma outra forma de beleza. Uma história triste quer dizer: essa contadora de histórias está viva. Daí a pouco, alguma coisa boa vai acontecer com ela, uma coisa maravilhosa, e ela vai se virar e sorrir”. & quando resolvi ler esse livro, o fiz pelo título. Não consegui mais larga-lo. Cada página era um tapa na cara, em algumas vezes, lágrimas derramadas, suspiros chocantes pela escrita de Cleave e pela história narrada. “parecia que eu era nada. Empurravam-me e esbarravam em mim em todas as calçadas, e ninguém prestava atenção na minha pessoa.” Mas essa & é uma menina que luta pela vida & tem esperança de viver. E a história dela é a de muitos refugiados que tem essa mesma esperança e que acreditam nela. — “Olhe este lugar, mana. Vamos ficar bem aqui. Há de haver espaço para duas moças como nós num país tão bom assim. Não vamos mais sofrer”.” Se a leitura não foi fácil, escrever sobre é ainda mais difícil, por tanto, só posso fazer um convite. Leiam o livro, mergulhe em suas páginas e acompanhem a história da encantadora “Abelhinha” & dos outros personagens que fazem parte desse “marcante” enredo. & “Se eu estivesse contando essa história para as moças lá da minha terra, teria de explicar a elas como foi possível me afogar num rio de gente e ao mesmo tempo me sentir tão imensamente sozinha. Mas, de verdade, não acho que teria palavras.” Assim como, eu não as tenho para tentar, ao menos, transmitir como esse livro é marcante, especial e único. &Nenhuma outra escrita me marcou tanto &.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Pequena Abelha – Chris Cleave

  1. Lunna disse:

    Resenha ótima, clara e objetiva, sem revelar o conteúdo…só instigando para que peguemos o livro e comecemos a ler..
    Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s